E quando o Sol se põe no império...

Página 3 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Commonwealth em Sex Jan 04, 2013 4:12 pm

Na República Social Austríaca, McHitler cede o seu cargo para Uziel Bueno, cidadão neo-soteropolitano e fanático nazi. A primeira ação do novo Cônsul é renomear o estado para Estados Unidos da Áustria, a segunda é... declarar guerra ao Magno Império, esta era uma jogada estratégica de McHitler, foi a forma que encontrou de legitimar a ditadura. No dia seguinte e com a presença simbólica de algumas tropas dos Estados Unidos no Reichstag, McHitler assina a rendição incondicional do Magno Império. Era assim que desapareciam os resquícios de uma Áustria livre.

----------------------------------

McHitler volta a assumir o cargo de Cônsul dos Estados Unidos. Agora era começar a reestruturar a máquina do estado. Era esta a visão de McHitler, uma nação organizada como a Astartia e com princípios como os de Nova Salvador. Começa por abolir a Igreja Católica Apostólica Livre, depois entrega oficialmente o comando do Serviço Imperial de Informação e Propaganda ao governo neo-soteropolitano. Adota o software usado pelo governo de Nova Salvador para manter os registos jurídicos. Não abole a nobreza, usa-a pelo contrário para estender o seu poder aos 4 cantos do Império. Começa a confiscar títulos, como por exemplo os de Tom de Bragança-Windsor, dos membros das casas reinantes dos diversos estados e de todos os que se opuserem ao seu governo. Depois distribui-os por apoiantes e simpatizantes estrangeiros. Por fim cria um novo estado, com a intenção de ganhar a simpatia dos nacionalistas malaios, o Estado Livre da Malásia.

Infelizmente não podia impedir que o Conselho Constitucional continuasse a existir e muito menos se podia recusar a acatar as suas ordens. Estava entre a espada e a parede.


Títulos atribuídos:
- Rainha da Austrália (Sua Majestade Real) -> Karlyne Rocha, de Nova Salvador
- Soberano Livre da Malásia (Sua Senhoria Ilustríssima) -> Imperador Gabriel Bertochi I, de Nova Salvador
- Príncipe da Nova Zelândia (Sua Alteza Sereníssima) -> Alexander Andrew-Moor, da Astártia
- Grã-Duquesa de Sumatra (Sua Alteza Grã-Ducal) -> Brunhilda Van Woolf, da Astártia
- Rei da Nova Guiné (Sua Majestade Real) -> João Vasconcelos, líder do movimento integralista na Áustria
- Rei Cristão do Brunei (Sua Majestade Real e Cristã) -> Apóstolo Estevam Hernandes, líder da Igreja Apostólica Renascer em Cristo
- Duque de Sydney (Sua Alteza Imperial) -> Uziel Bueno
avatar
Commonwealth

Mensagens : 911

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  São Paulo em Sex Jan 04, 2013 5:08 pm

Em São Paulo, na reunião semanal do Palácio do Horto, o secretário Umberto Matarazzo junto ao Imperador Maximilien I: Eram nazistas, agora continuam o sendo, só que com apoio dos loucos evangélicos da Bahia. Que Deus nos Acuda!
avatar
São Paulo

Mensagens : 466

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Sarvoya em Sex Jan 04, 2013 5:19 pm

Na residência do Ministro Oscar Schmitd, em Monterrey, Darko e Khan aproveitavam um mojito.

Paulo Khan: São bipolares, definitivamente.

Oscar Schmitd: Agora Áustria e Nova Salvador vão jogar um amistoso, só quero ver.

Paulo Khan: Ridículo, Oscar, definitivamente.

Gustavo Darko: Gostei disso Oscar, como é a receita?

Paulo Khan: O que os faz pensar que um grupo é superior ao outro?

avatar
Sarvoya

Mensagens : 857

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/gustavopfurla

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Nova Salvador em Sex Jan 04, 2013 5:57 pm

Commonwealth escreveu:Na República Social Austríaca, McHitler cede o seu cargo para Uziel Bueno, cidadão neo-soteropolitano e fanático nazi. A primeira ação do novo Cônsul é renomear o estado para Estados Unidos da Áustria, a segunda é... declarar guerra ao Magno Império, esta era uma jogada estratégica de McHitler, foi a forma que encontrou de legitimar a ditadura. No dia seguinte e com a presença simbólica de algumas tropas dos Estados Unidos no Reichstag, McHitler assina a rendição incondicional do Magno Império. Era assim que desapareciam os resquícios de uma Áustria livre.

----------------------------------

McHitler volta a assumir o cargo de Cônsul dos Estados Unidos. Agora era começar a reestruturar a máquina do estado. Era esta a visão de McHitler, uma nação organizada como a Astartia e com princípios como os de Nova Salvador. Começa por abolir a Igreja Católica Apostólica Livre, depois entrega oficialmente o comando do Serviço Imperial de Informação e Propaganda ao governo neo-soteropolitano. Adota o software usado pelo governo de Nova Salvador para manter os registos jurídicos. Não abole a nobreza, usa-a pelo contrário para estender o seu poder aos 4 cantos do Império. Começa a confiscar títulos, como por exemplo os de Tom de Bragança-Windsor, dos membros das casas reinantes dos diversos estados e de todos os que se opuserem ao seu governo. Depois distribui-os por apoiantes e simpatizantes estrangeiros. Por fim cria um novo estado, com a intenção de ganhar a simpatia dos nacionalistas malaios, o Estado Livre da Malásia.

Infelizmente não podia impedir que o Conselho Constitucional continuasse a existir e muito menos se podia recusar a acatar as suas ordens. Estava entre a espada e a parede.


Títulos atribuídos:
- Rainha da Austrália (Sua Majestade Real) -> Karlyne Rocha, de Nova Salvador
- Soberano Livre da Malásia (Sua Senhoria Ilustríssima) -> Imperador Gabriel Bertochi I, de Nova Salvador
- Príncipe da Nova Zelândia (Sua Alteza Sereníssima) -> Alexander Andrew-Moor, da Astártia
- Grã-Duquesa de Sumatra (Sua Alteza Grã-Ducal) -> Brunhilda Van Woolf, da Astártia
- Rei da Nova Guiné (Sua Majestade Real) -> João Vasconcelos, líder do movimento integralista na Áustria
- Rei Cristão do Brunei (Sua Majestade Real e Cristã) -> Apóstolo Estevam Hernandes, líder da Igreja Apostólica Renascer em Cristo
- Duque de Sydney (Sua Alteza Imperial) -> Uziel Bueno


Na Assembléia Popular Imperial comemoram os títulos dados, porém se perguntam como um jornalista de merda que virou deputado por sorte como o Uziel Bueno havia recebido um título, ligam imediatamente para a Bruna Furlan, cobrando explicações a Bruna de uma forma delicada da a entender que é melhor eles calarem a boca se não quiserem ser cassados.
avatar
Nova Salvador

Mensagens : 626

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Almada em Sex Jan 04, 2013 7:05 pm

Commonwealth escreveu:
[b]Entretanto a notícia do embargo de Almada cai que nem uma bomba na Chancelaria, mas McHitler faz uma jogada inteligente, manda substituir a bandeira Imperial pela bandeira da República Social, afinal o embargo era contra o Magno Império....

O embargo é efectivo para qualquer território da Commonwealth, seja qual for a sua designação oficial.
avatar
Almada
Admin

Mensagens : 751

Ver perfil do usuário http://nsportugal.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Lapália em Sex Jan 11, 2013 8:01 pm

ULTIMATO
ao Magno Império Austríaco e todos os seus Estados fantoches



Atendendo à luta do povo comunal contra a ditadura imposta por Adolfo McHitler, e o sofrimento causado por este último ao seu povo, a Confederação dos Estados de Lapália vem, por este meio, exigir imediatamente o seguinte:
  • Demissão imediata de McHitler e consequente entrega do mesmo às forças de Lapália;
  • Entrega do poder político a um oficial lapálio, até serem estabelecidas as condições para um são retorno à democracia.


Estas exigências devem ser atendidas no prazo máximo de 12 horas, após as quais empreenderemos uma operação libertadora da Commonwealth. Recomendamos às forças nazis uma rendição e entrega imediata, sob pena de prolongar desnecessariamente a guerra e causar a morte de mais pessoas.

Na pessoa do Primeiro-Cônsul da Confederação dos Estados Lapálios,
Albert Arnold Gore, Jr.
avatar
Lapália

Mensagens : 645

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Nova Salvador em Sex Jan 11, 2013 9:20 pm

[quote]
Império de Nova Salvador
Concessão de ASILO POLÍTICO

O Imperador Bertochi I concede ASILO POLÍTICO a TODOS os integrantes do PNSV, bem como ao Sr. McHitler, Imperador das Áustrias.

Na pessoa do próprio Imperador,

Bertochi I
avatar
Nova Salvador

Mensagens : 626

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Commonwealth em Sab Jan 12, 2013 8:44 am

McHitler ordena a todas os membros do PNSPV que saiam do país e que vão para Nova Salvador, sabia o que lhes aconteceria se ficassem na Áustria. Mas ele, ele ia lutar pelos Estados Unidos até ao último momento, só pararia quando estivesse morto, e mesmo assim o seu espírito ainda perseguiria os soldados lapálios. Envia pedidos de intervenção à Astártia e a Nova Salvador, dando autorização às suas tropas para se moverem livremente na Commonwealth. Ainda responde ao ultimato:
Senhores,

Vós deveis acreditar em unicórnios e em porcos voadores! Devem pensar que eu fico assustado com um ultimatozinho de merda. Não me demito e muito menos para colocar o poder nas mãos de um lapálio rançoso qualquer.

--------------------

Na CoRCES todos celebram a notícia do ultimato. Rapidamente se reúne a Assembleia de Herdeiros para decidir o que fazer. Esboçam um plano em três fazes:
1 - Criar um governo provisório;
2 - Distribuir panfletos que incentivem à revolta;
3 - Julgar McHitler.
Este plano seria todo executado no mesmo dia, 17 de janeiro de 2013.

Enviam um comunicado ao Cônsul Al Gore, dizia de uma forma "simpática", Saiam do nosso caminho e nós saímos do vosso, colaborem connosco e nós colaboramos convosco.
avatar
Commonwealth

Mensagens : 911

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Nova Salvador em Sab Jan 12, 2013 9:08 am

As possibilidades de uma intervenção militar e Brunei não era descartada, mas Deputados brasileiros vêem a necessidade de partição do território para custear despesas de guerra.
avatar
Nova Salvador

Mensagens : 626

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Enquanto isso...

Mensagem  Altinia em Seg Jan 14, 2013 11:27 pm

... no Palácio da República, em Monte Althós, o Presidente e o Ministro das Relações Governamentais de Altínia, numa conversa informal, falam sobre os fatos ocorridos no outro lado do Globo, que repercutiram pela Altínia pela primeira vez:


Palácio da República - Altínia

- Presidente, estou barbarizado com estes acontecimentos, não crees que Altínia deveria tomar uma posição acerca destes?
- Ora meu caro Davi, somos apenas uma pequena nação num canto esquecido do globo, se tomarmos decisões errôneas somos varridos do mapa...
- Mas Lapália não evitaria que isto acontecesse?
- Até que nossos amigos lapálios poderiam evitar, mas é preferível que Altínia permaneça neutra. Não devemos ser iguais aos neo-soteropolitanos, fazer atos suícidas... Altínia ainda tem que crescer muito, se quer se tornar uma potência, enquanto isso, vamos para a basílica rezar, é o melhor que podemos fazer hoje.

avatar
Altinia

Mensagens : 259

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Nova Salvador em Ter Jan 15, 2013 6:37 am

Tropas soteropolitanas egressas da Base Militar na ilha de Fernando de Noronha são enviadas em um barco para Brunei. A Ordem é clara, ocupar o palácio do governo.

Um batalhão de 300 homens desembarca em Brunei armados com M16 25 jipes também são desembarcados. A ordem é clara, não disparar até que seja extremamente necessário!







O Imperador informa em telegrama secreto a McHitler a existência das tropas em território de Brunei e solicita a entrega do Controle Governamental de Brunei as tropas de Nova Salvador, mais especificamente a Marechal Patrícia Nuno informando-o que o território será devolvido após o conflito, mas que por hora servirá para acolher asilados fugidos da Áustria que sejam integrantes do PNSPV. bem como a renomeação da Ilha de Brunei para EDIT Sergipe
avatar
Nova Salvador

Mensagens : 626

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Nova Salvador em Ter Jan 15, 2013 6:42 am

O Hino de Sergipe é cantado em praça pública pelos militares soteropolitanos!
avatar
Nova Salvador

Mensagens : 626

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  São Paulo em Ter Jan 15, 2013 11:17 am

Nova Salvador escreveu:As possibilidades de uma intervenção militar e Brunei não era descartada, mas Deputados brasileiros vêem a necessidade de partição do território para custear despesas de guerra.

OOC: Vocês não são Brasileiros, são Baianos, assinaram um tratado reconhecendo como Brasil, SÃO PAULO! :p

IC: O Império Paulista, enviou uma missiva ao Governo Lapálio, ao Governo Luso e ao Governo Galego pedindo instruções para uma ação conjunta para conter os arroubos autoritários de Nova Salvador e das Áustrias de uma vez por todas.

O Primeiro-Ministro Tancredo Neves reuniu-se com o Conselho de Defesa Nacional e o Conselho do Império (O Privy Council Paulista) e com setores políticos e empresariais para avalizar a possível entrada de São Paulo no conflito. O Deputado Ulysses Guimarães, ministro da Defesa Nacional disse hoje à RT9 na Edição Matutina do "Jornal Nacional" que: São Paulo e os Estados Brasileiros em Comunhão como Império de São Paulo, só vão entrar na guerra no dia em que a cobra fumar!

O Imperador Maximilien, que se encontra em viagem oficial na Rússia, disse que: É mais provável uma cobra fumar e um camelo voar e uma égua ser um parlamentar no Congresso Nacional do que São Paulo, hoje entrar na guerra. Nos Butecos, Bares e Residências de São Paulo, as famílias já se preparam emocionalmente para uma guerra. Muitos já dizem: A Cobra vai fumar!
avatar
São Paulo

Mensagens : 466

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Commonwealth em Qui Jan 17, 2013 5:46 pm

OOC: Vou esperar pelo Peter para continuar o rp.
avatar
Commonwealth

Mensagens : 911

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Lapália em Seg Jan 21, 2013 12:04 am



Declaração de Guerra

O Consulado dos Estados de Lapália declara guerra ao Império Austríaco e a todos os seus Estados fantoches.

O Primeiro-Cônsul da Confederação dos Estados de Lapália,
Albert Arnold Gore, Jr.

O prazo expirou. Como era óbvio para os lapálios, McHitler não havia cedido às exigências do Ultimato. Estava na hora de avançar com a operação militar contra o regime nazi. As tropas lapálias estavam altamente moralizadas após várias semanas de treino, e com a ideia da "libertação gloriosa" em mente. Os Cônsules tinham estado em vários quartéis, para transmitir confiança às tropas, pelo que os últimos dias tinham sido bem agitados.


O Segundo-Cônsul James Windsor dá instruções às tropas lapálias.


A operação teria duas vertentes, o Brunei e o Oriente, se bem que o objectivo de ambas era igual: ocupar o máximo dos territórios no menor tempo possível. As deslocações começaram nas primeiras horas da madrugada, com o disparo de mísseis ar-terra contra as posições militares austríacas no Brunei e Nova Guiné. Ao mesmo tempo, vários aviões descolaram dos dois porta-aviões lapálios, distribuindo folhetos com propaganda e recomendações ao povo austríaco.



Consulado da Confederação dos Estados de Lapália

A Confederação dos Estados de Lapália, observando a ditadura execrável imposta pelo Partido Nazi e pelo seu líder, Adolfo McHitler, irá, nas próximas horas, libertar o território da Commonwealth deste regime desumano.

Recomendamos a todos os comunais que se refugiem nas suas casas e evitem sair à rua, mesmo que o devessem fazer por obrigações profissionais, pessoais ou políticas. Pedimos a todos os cidadãos que colaborem com os soldados lapálios na libertação do território. Qualquer resistência será fortemente repelida e só prolongará o sofrimento humano.


Também chegam aos lapálios notícias de que havia nazis a fugir para Nova Salvador. Os radares de Lapália fazem o possível por detectar estes aviões, sendo a ordem para os desviar para aeroportos lapálios ou, caso não fosse possível, abatê-los com caças. Imediatamente se emite um decreto que proíbe a saída de qualquer avião ou navio do território austríaco, militar ou comercial, sob pena de ser abatido. A intenção é impedir a fuga do próprio McHitler e seus lacaios. No entanto, o foco da missão era mesmo o território da Commonwealth, e é para lá que as esquadras lapálias se dirigem.


Estacionadas ainda fora das águas territoriais austríacas, tanto a Frota do Oriente (Nova Guiné e Austrália) como a do Ocidente (Brunei) entram nestes territórios ao mesmo tempo. Imediatamente começam a bombardear posições inimigas, como quartéis, coordenando os ataques com cruzadores e caças. Não se esperava grande poder de resposta dos austríacos... Após esta primeira fase, a ideia era desembarcar imediatamente em todos os territórios e tomar o poder político, antes que McHitler conseguisse escapar.
avatar
Lapália

Mensagens : 645

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Nova Salvador em Seg Jan 21, 2013 12:23 am

Caças protegem os aviões destinados a dar asilo político aos nazistas, de modo a abater quaisquer ameaças aos aviões. No Brunei lançam-se mísseis defensivos para abater os mísseis lançados por Lapália de modo a ganhar tempo para a retirada das tropas soteropolitanas que escoltavam os nazistas. para fora do país. A intenção era abandonar a ilha garantindo a saída com segurança de todos os políticos do PSNPV
avatar
Nova Salvador

Mensagens : 626

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Altinia em Seg Jan 21, 2013 5:01 am

Altinia escreveu:

ESTADO CRISTÃO DE ALTÍNIA

Governadoria de Estado - Palácio do Governo de Altínia
Presidente da Nação, Sua Excelência Republicana, o Sr. Fernando Paulit



Ato Extraordinário nº. 1/2013


Art. 1º - Altínia declara apoio a Lapália e seus aliados, no conflito em Brunei, declarando adversária a Nova Salvador e a Áustria.
Art. 2º - Fica instituído, neste ato, o Estado de Guerra na nação Altínia, restringindo-se as seguintes liberdades:
I - Locomoção interna, dentro do território nacional, somente será permitida, dentro de uma província a outra, através de Salvo-Conduto;
II - Civis não poderão se reunir em via pública, em agrupamentos com mais de cinco indivíduos;
III - Não será permitida a circulação de civis durante o período noturno, compreendido da meia-noite até as seis horas da manhã, sem autorização da autoridade policial competente, excetuando-se em caso de emergência;
IV - Sigilo das comunicações telegráficas, postais, virtuais e telefônicas, ficam restritos;
V - Os agentes do Estado poderão adentrar, ainda que durante o período noturno, quando for do interesse da segurança nacional;
VI - Os meios de comunicação somente poderão transmitir programação, mediante prévia autorização do Ministério da Defesa, que verificará se não há nenhum perigo a segurança nacional.
Art. 3º - Em razão do Estado de Guerra, ficam suspensas as campanhas eleitorais, bem como, a eleição que se realizaria em Março, será adiada.
Art. 4º - Fica instituída a Lei Marcial, com o fim de punir os simpatizantes da Áustria e Nova Salvador, que atentarem contra a segurança nacional.
Parágrafo Único: Fica autorizada a execução de traidores, em razão do Estado de Guerra.
Art. 5º - A população da Ilha de São Martín será deslocada para a porção continental, sendo alojada em acampamentos improvisados, para que as tropas de Lapália possam se estabelecer, quando esta assim requerer.
Art. 6º - Em razão do Pacto de Cooperação Militar entre Altínia e Lapália, escolhe Altínia em não entrar no conflito, por enquanto, todavia, entrará em completa defesa, estando pronta para qualquer ataque, caso os países adversários venham lhe atacar.
Art. 7º - Convocam-se todos os reservistas da Guarda Armada Nacional.
Art. 8º - Metade dos recursos que seriam destinados a gestão da maquina pública e 20% do que seria destinado à educação, serão destinados a Guarda Armada Nacional para sua subsistência.
Art. 9º - A defesa compreenderá a região marítima próxima a costa de Nova Salvador, abrangendo-se por todo o índico.
Art 10º - Entra em vigor no ato de sua publicação.


Monte Althós, 21 de Janeiro de 2013.


Informe:
Altínia não entrará oficialmente na Guerra, mas estará pronta em caso de agressão estrangeira, estando do lado de Lapália e seus aliados, disponibilizando regiões estratégicas para o avanço de tropas aliadas de Lapália, ainda que oficialmente, não aderirá ao conflito armado entre as nações.


Última edição por Altinia em Seg Jan 21, 2013 3:07 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Altinia

Mensagens : 259

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Sarvoya em Seg Jan 21, 2013 1:57 pm

Rafael Hernandez e Marina Silva almoçam juntos no Palácio das Bandeiras enquanto conversam.

Marina: Já vimos isso uma vez, e olha no que deu.

Hernandez: Entendo, antes a Commonwealth era puxa-saco de Lapália, depois a ditadura mais cruel que este mundo já viu sob o nome de Áustria. Já hoje Altínia é o puxa-saco oficial dos lápalos, amanhã só Khosmos sabe o que será.

Marina: Os integralistas portugueses governariam bem melhor que McHitler.
avatar
Sarvoya

Mensagens : 857

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/gustavopfurla

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Commonwealth em Seg Jan 21, 2013 7:14 pm

McHitler decide não abandonar o território austríaco, se tivesse que morrer seria a lutar pelo seu sonho. Ele sabia que os Lapálios abateriam toda e qualquer resistência, por isso ordena às altas patentes da Guarda Pretoriana e da Legião Austríaca, bem como do PNSPV que abandonem o país, no entanto tanto os líderes da Guarda como da Legião se recusam a obedecer. Vão ficar na Áustria, mas não vão oferecer resistência, de nada lhes serve. Só ficam a marcar posição junto aos pontos de voto, para garantir que os lapálios não impediam a continuação das votações. O mesmo não aconteceu com os membros do PNSPV, que meteram todos o rabinho entre as pernas e fugiram de todas as formas possíveis para Nova Salvador. Alguns chegaram mesmo a hastear o antigo estandarte imperial nos seus barcos numa tentativa cobarde de fugir aos lapálios.

-------------------------

Entretanto, a CoRCES começa a mobilizar as suas forças e quer através de aviões, quer de barcos, estas começam a dirigir-se a Sydney. O objetivo era claro, chegar primeiro que os lapálios, pois sabiam que apesar das suas boas intenções nunca conseguiriam julgar McHitler de forma justa. A ideia era apurar os fatos com a maior objetividade possível e impedir que McHitler fosse apresentado perante Tribunal Internacional, onde seria impossível obter uma sentença justa. Se McHitler fez mal ao povo austríaco, então é o povo austríaco que julgará McHitler. Ainda enviam uma missiva a Nova Salvador, onde recomendavam que o Império não apresentasse qualquer resistência aos lapálios, pois isso só tornaria maior o número de mortos.
avatar
Commonwealth

Mensagens : 911

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Sarvoya em Seg Jan 21, 2013 8:02 pm

Julieta Capuleto lia com atenção uma carta que recebera após escapar do falido Conselho Constitucional. Com uma expressão serena no olhar queima-a com o fogo de uma vela sobre a mesa. Ela sabia, chegou a hora. Julieta pega seu inseparável celular e chama a um amigo:

_ Tom, gostaria de encontrá-lo. (Sir Tom de Bragança e Windsor)
avatar
Sarvoya

Mensagens : 857

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/gustavopfurla

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Lapália em Seg Jan 21, 2013 8:50 pm

Os soteropolitanos tinham danificado um caça lapálio, para não falar dos mísseis que tinham desviado... Isto inflama os ânimos dos lapálios. A ordem agora era outra: abater tudo o que se mexesse a sair da Commonwealth, fosse avião ou navio militar. Lançam-se mais mísseis e duplicam-se os caças na região. Nada podia sair do Brunei sem ser fortemente bombardeado e abatido. A mensagem para os soteropolitanos era clara: se se metessem com os lapálios, iam acabar por ver a guerra no território deles.


A saída em massa de nazis não passa despercebida aos lapálios. Não podiam permitir que chegassem a Nova Salvador. Os lapálios fazem os possíveis para detectar os barcos nos radares e, de novo, detê-los. Caso aparentassem estar a ser defendidos pelos soteropolitanos, a ordem já era outra: abater. O Consulado esperava uma declaração de guerra de Nova Salvador, por isso autorizou o ataque aos seus navios e aviões. Da mesma forma, começaram a chegar as primeiras tropas à ilha de São Martín, de onde se poderia coordenar um futuro ataque ao país africano.


Dada a pouca resistência dos austríacos, começam os desembarques e a ocupação efectiva do território. As tropas ocupam os edifícios governamentais e quartéis das principais cidades da Austrália e Nova Guiné. Todo e qualquer nazi que aparecesse pela frente seria logo preso e enviado para os navios lapálios: não se podia correr o risco de fugirem das prisões austríacas. Agora, mais do que nunca, era avançar para Sydney, antes que McHitler escapasse. O raid à cidade começa de madrugada, com os principais quartéis da cidade e o próprio Reichstag como alvos, e, pela manhã, esperava-se começar o desembarque.
avatar
Lapália

Mensagens : 645

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Nova Salvador em Seg Jan 21, 2013 8:57 pm

[b]Com O sucesso da operação exílio 900 membros do PNSPV conseguem chegar em Nova Salvador, Um terceiro avião com 300 asilados foi abatido antes mesmo da decolagem, médicos fazem o que pode para preservar os 50 feridos, 249 membros do PNSPV vieram a óbito a ordem agora era suspender a operação e deixar os que se recusaram a embarcar nos navios e aviões anteriores a própria sorte. O Imperador envia telegrama a Lapália informando que irá retirar totalmente as tropas de Brunei de volta a Almeida Brás e que a Operação Exílio visa evitar derramamento de sangue![b]


Última edição por Nova Salvador em Ter Jan 22, 2013 1:01 am, editado 1 vez(es)
avatar
Nova Salvador

Mensagens : 626

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Altinia em Seg Jan 21, 2013 10:19 pm

Nota do Governo Provisório

Com a derrubada do Presidente Fernando Paulit, a Monarquia foi reinstaurada em Altínia.
Com a restauração da Monarquia, o Ato Extraordinário nº. 1/2013, foi declarado nulo, logo, Altínia manter-se-á neutra neste conflito, até segunda ordem.
avatar
Altinia

Mensagens : 259

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Astartia em Ter Jan 22, 2013 1:34 am

McHitler é um idiota, um perfeito imbecil pensou imediatamente o Consul Astartiano......

O regime não iria sobreviver, e não existia vontade de arrastar a Astártia para um conflito que iria perder. Adicionalmente, a sua entrada podia ainda fazer com que Gutland interviesse, o que poderia ditar a queda do próprio regime Astartiano, o que era impensável.

No fim, a Astartia protesta contra a violência que está a decorrer, mas acaba por fazer muito em termos de apoio militar. Secretamente, no entanto, continuam a tentar reunir elementos pro-nazi que consigam unir num futuro partido conservador pós-guerra, ou mesmo numa união nacional como na Astártia. Entretanto o importante era reunir apoios internos, Lapália iria ocupar o território, mas se a Astártia tivesse apoio, poderia vir a tornar-se num pântano.


occ: Se estiveres interessado em teres um movimento de resistência diz algo, senão simplesmente diz que os meus serviços secretos não encontraram ninguém
avatar
Astartia

Mensagens : 235

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Commonwealth em Ter Jan 22, 2013 6:28 pm

McHitler encontra-se à porta do Reichstag quando as divisões da CoRCES começam a desembarcar. Carregavam a bandeira da Comunidade, a bandeira dos Estados Unidos e uma bandeira branca, como sinal que pretendiam negociar. A liderar as tropas estava nada mais, nada menos, Tom Windsor. No exato momento em que sai do jato que o trouxera recebe a chamada de Julieta. Volta a subir a bordo, e fazendo um leve sinal com a cabeça indica a Angela Windsor que a partir de agora é a função dela liderar as tropas. Depois atende a chamada:
- Então minha querida, em que lhe posso ser útil?

-----------------

Angela Windsor dirige-se a McHitler e diz-lhe:
- Recomendo que se entregue já, porque quando os lapálios chegarem vai ser muito pior.

McHitler fazendo uma cara de desilusão acaba por responder:
- Já seria de esperar... Garantem-me que se me entregar à CoRCES os lapálios não me tocam, e que sou julgado unicamente por austríacos?
- Sim, claro... nós sabemos que perante tribunal internacional nunca teria uma sentença justa. Posso atrever-me a perguntar, porque não fugiu como os outros?
- Minha querida, eu não sou nada do que as pessoas pensam. Por favor acompanhe-me.

Angela Windsor escoltada por 5 membros do ILA - Exército Imperial Libertador, segue McHitler pelo interior do Reichstag, ligeiramente danificado apesar dos ataques lapálios. Acabam por entrar do escritório de McHitler e arrastando a carpete que cobria o chão ele revela um alçapão. Abre a porta e desce pelas escadas, sempre seguido por Angela Windsor, diz-lhe:
- Aqui são os arquivos secretos do Reichstag desde que eu subi ao poder. É aqui que está a justificação de toda e qualquer ação minha, mas adianto-lhe já que a maioria foi por imposição de Nova Salvador.

Angela Windsor fica chocada:
- Como assim por imposição de Nova Salvador!?
- Olhe, eu sei que muitos pensam que eu gostei de escravizar os negros, ou de perseguir os homossexuais, mas na verdade isso foi tudo imposição de Nova Salvador. Aqui tenho gravações de reuniões e chamadas e relatórios sobre tudo o que aconteceu.
avatar
Commonwealth

Mensagens : 911

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E quando o Sol se põe no império...

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum