Reino de Gutland

Ir em baixo

Reino de Gutland

Mensagem  Rokolev em Sab Jul 07, 2012 4:17 am




Reino de Gutland / Reino dos Godos - Gutþiuda Þiudinassus


Hino Nacional: Wulþus Gutland
Lema nacional: -
Gentílico: Godo/Gótico
Adjectivo: Godo/Gótico
Capital: Silubrmena
Cidade mais populosa: Vesiborg
População: ~158 milhões
Lingua Oficial: Gótico
Moeda: Gutmark (₲) - ₲1 = €0,1

Regime Político: Monarquia Constitucional
Chefe de Estado: Thane Hrōþirīkiaz XVIII (Rodrigo XVIII)
Chefe de Governo: Chanceler Gundemar Friþunanþs (Gundemaro Fernandes)

Principais religiões:
  • Protestantismo Gótico
  • Catolicismo
  • Paganismo Germânico
  • Druidismo


Última edição por Rokolev em Seg Jan 28, 2013 4:36 am, editado 7 vez(es)
avatar
Rokolev

Mensagens : 347

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/nation=gothorum

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Reino de Gutland

Mensagem  Rokolev em Dom Dez 30, 2012 4:25 pm

História resumida



Antiguidade

As ilhas setentrionais de Gutland foram inicialmente povoadas por povos Indo-Europeus provenientes do continente localizado a seu Ocidente por uma ponte de gelo durante a última grande Idade do Gelo, provavelmente previamente instaladas nos actuais estados de Astartia ou Almada, tendo posteriormente se adaptado às características naturais locais. Com o final da Idade do Gelo, e consequente aumento dos níveis de água dos oceanos, estes povos ficaram fisicamente desligados do resto do continente Europeu durante alguns milhares de anos, o que causou o desenvolvimento da antiga cultura Gótica da pré-história, com características distintas das restantes comunidades Indo-Europeias.

Com o desenvolvimento tecnológico no resto do mundo, em especial com o começo das viagens marítimas, as ilhas foram novamente ligadas ao resto da Europa, tendo vários povos Europeus estabelecido postos comerciais nas costas das ilhas. No entanto, visto que as ilhas eram (e são) frias e relativamente pequenas, não haviam recursos naturais de grande valor em quantidades suficientes para o seu comércio ser significativamente explorado por estes povos. Apesar disto, as culturas celtas que rodeavam Gutland tiveram um impacto significativo na sociedade Gótica da idade do início da Ferro, que ainda hoje se faz sentir em algumas comunidades das ilhas, tendo sido promovido pelo relativamente bom relacionamento entro as duas culturas e os utensílios de ferro que eram desconhecidos pelos locais à altura, apesar de rapidamente as tribos dos Godos terem rapidamente aprendido a trabalhar este material.

Poucas décadas depois do nascimento de Cristo, forças invasoras provenientes do Império Romano a Ocidente desembarcaram no sul das ilhas Góticas e tomaram-nas de assalto. A lendária capacidade lutadora dos Godos não foi suficiente para travar a boa organização e tecnologia superior das forças invasoras, e foram repetidamente repelidos para Norte, até que o terreno inóspito e gelado das ilhas forçaram as forças Romanas a travar a sua invasão, deixando a conquista das ilhas a meio. O sul foi romanizado, o norte permaneceu menos desenvolvido e dominado pela cultura Gótica que sempre a caracterizou. Apesar das tentativas, as tribos góticas foram incapazes de recuperar as suas terras do Sul até à queda do Império Romano. Apesar de este conflicto ter durado três séculos, os Godos aprenderam a valorizar a estrutura Romana e após recuperarem as suas terras, foram suficientemente modestos para a tentar preservar. No entanto, o seu desconhecimento das tecnologias Romanas não foram minimamente suficientes para atingir tal objectivo, e tal como o resto da Europa, Gutland mergulhou numa idade das trevas.
avatar
Rokolev

Mensagens : 347

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/nation=gothorum

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Reino de Gutland

Mensagem  Rokolev em Seg Dez 31, 2012 5:18 am

Breve resumo político



Thane - Hrōþirīkiaz XVIII (Rodrigo XVIII)

O Thane é o título equivalente ao Rei, Kaiser ou Imperador dos restantes países mundiais, mas com umas particularidades especiais da história Gótica. Este cargo, contrariamente ao que se passa nas restantes monarquias constitucionais, tem poderes extremamente extensos, como por exemplo a possibilidade de aprovar qualquer lei, independentemente da sua aceitação parlamentar, ou a possibilidade de formação de um Governo sem recurso a eleições democráticas quando o Thane bem entender, e com os membros que escolher, sendo estes no entanto livres de recusar o cargo..apesar de tudo, este poder nunca foi usado por nenhum Thane. No entanto a característica mais inconvencional do Thane é o seu papel militar. Contrariamente aos restantes monarcas que, apesar de serem os chefes supremos das forças armadas, limitam-se a ficar trancados em palácios, os Thanes têm o dever de, em operações militares de larga escala, participar nos combates como qualquer outro general.

Em cerimónias oficiais levam sempre com eles uma das três antigas armas de guerra dos Thanes: espada, martelo ou machado (todos de uma mão) respectivamente chamadas de Fé, Justiça e Fúria. Estas armas, alegadamente, têm cerca de 800 anos.
Os Thanes, por obrigação tradicional, usam barba.







O Thane actual, Rodrigo XVIII, é o mais novo monarca de Gutland em 300 anos de história do país, tendo apenas 38 anos de idade. A sua coroação deveu-se à abdicação do seu avô, ainda vivo, e à morte prematura do seu pai, ferido mortalmente enquanto caçava elefantes numa selva fora do país.

Tal como todos os Thanes antes dele, Rodrigo XVIII teve forte instrução militar desde os 10 anos, e até à morte do pai era Major no Exército Real Gótico, tendo os seus anteriores superiores hierárquicos denotado uma especial aptidão para a liderança militar e uma particular brutalidade nas suas tácticas e métodos. O seu carisma, sentido prático, e o facto de não mandar ninguém fazer algo que ele próprio ainda não tenha feito, ou não fizesse, serve como uma aura inspiradora para os seus subordinados, sendo altamente moralizador para as tropas.


No plano pessoal, Rodrigo XVIII é conservador, tradicionalista e muito pegado ao bem estar das suas pessoas, sendo um grande defensor do Estado Social, ainda que exija rigor nas contas e abomine alguns desperdícios que são feitos. É também muito vocal e não tem medo de dizer o que pensa, sendo geralmente inflexível nas suas convicções, mas sempre disposto a ouvir os outros para tomar aquela que considera a melhor decisão.







Chanceler - Gundemar Friþunanþs (Gundemaro Fernandes)

O Chanceler tem o papel tradicional de um Primeiro-Ministro, sem qualquer tipo de diferenças para as restantes democracias mundiais. A palavra Chanceler é um estrangeirismo usado actualmente em Gutland.





O actual Chanceler é o Sr. Gundemaro Fernandes, secretário geral do Partido Social Democrata Gótico. É uma pessoa muito pacífica e introvertida, mas de fortes convicções e competente nos cargos que desempenhou.








Partidos Políticos

Em Gutland existem votações separadas, ainda que realizadas na mesma altura, entre a eleição de chanceler e de membros da assembleia (Gutgaqumþs), que são eleitos a partir de listas a nível nacional e não local.

Da esquerda para a direita, os partidos representados na Gutgaqumþs são os seguintes:

Partido pelo Socialismo (comunistas) - 0.5%
Partido Trabalhista (esquerda/centro-esquerda) - 23%
Partido Social Democrata Gótico (centro-esquerda/centro) - 29%
Guerreiros do Destino (centro-direita) - 21%
Partido do Progresso (direita neo-liberal) - 16%
Democracia Cristã de Gutland (direita conservadora) - 9%
União Gótica (nacionalistas democráticos) - 1.5%
avatar
Rokolev

Mensagens : 347

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/nation=gothorum

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Reino de Gutland

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum